sexta-feira, 20 de abril de 2012

Grande Rio quer acabar com alas comerciais

A Acadêmicos do Grande Rio decidiu reduzir o número de alas comerciais para ajudar a escola, quinta colocada no último Carnaval, a entrar na Avenida de forma mais compacta e alcançar o tão sonhado título de campeã da festa. Para o desfile de 2013, apenas fantasias de quatro alas serão postas à venda, como explica o recém-empossado presidente da tricolor de Caxias, Edson Alexandre. No último desfile, a Grande Rio perdeu pontos no quesito harmonia tendo como justificativa para a penalização a ausência de canto dos componentes das alas, das nove alas citadas por um jurado como responsáveis por comprometer o quesito, sete eram comerciais.

EStrelas assistem As Mimosas da Praça Tiradentes

Lília Cabral e a filha Giulia, Ângela Vieira, Louise Cardoso, Vera Holtz entre outros famosos prestigiaram na noite desta quinta-feira, 19, a  a apresentação do musical  As Mimosas da Praça Tiradentes, em cartaz até este fim de semana no Teatro Carlos Gomes.  Gustavo Gasparani, ainda com a maquiagem da drag Vanila Cherry, recebeu os convidados no camarim.

Aprendendo a cuidar

O  designer Antonio Bernardo, mantenedor do Orquidário do Jardim Botânico e a OrquidaRio, maior associação de orquidófilos da América Latina,  realizam a XXVI Exposição Orquídeas no Jardim, que acontece  entre o dia 28 e 1° de maio. O tem deste ano será  “Reciclagem e Cultivo de Orquídeas no Rio de Janeiro” e vai ensinar ao carioca a  maneira correta de amarrar as flores nas árvores da cidade distribuindo folhetos educativos e oferecendo gratuitamente palestras, workshops e  visitas guiadas, além de atividades para crianças. Há cerca de 5 anos, as árvores das ruas do Rio ganharam um coloridoespecial e o carioca virou um apaixonado pela flor.

Indenização

O juiz Mauro Nicolau Júnior, da 48ª Vara Cível do TJ/RJ, condenou a empresa Tonus do Brasil a indenizar, por danos morais, no valor de R$ 300 mil uma família. Beatriz Ribeiro, Paulo e Mauro Piranda, pais e irmão de Cristina Ribeiro Piranda relatam que, em 2009, ela morreu ao cair no fosso do elevador do prédio do Ministério da Fazenda, devido ao descuido de um funcionário da empresa na manutenção do elevador. 

Todo cuidado é pouco

Na  tentativa de prevenir o terrorismo, o  Parlamento europeu permite que Departamento de Segurança Nacional americano tenha acesso aos dados pessoais de passageiros de todos os voos entre Estados Unidos  e 27 países da Europa.

Salvem os animais

Está virando rotina para os motoristas que trafegam pela estrada Grajaú-Jacarepaguá assistirem a morte de animais, vindo da mata que margeia a estrada. Esta semana uma preguiça atropelada chamava a atenção de quem passava logo cedo pelo local. Cadê as autoridades resposáveis?

Tim, tim

Giuseppe Oristanio, Cissa Guimarães e Josie Antello sopraram as velinhas do bolo que marcou as 400 apresentações da peça Doidas e Santas e o aniversário de Cissa. A comemoração, na noite desta quinta-feira, 19, contou com convidados famosos: Glória Pires e Orlando Moraes, Julia Lemmertz, Sérgio Marone e muitos outros.

Vende-se essa rua

Um bate-papo entre um guardador de carros do centro e um motorista relata como ele fizera a aquisição do espaço do Rio Rotativo. O guardador disse que ao perceber que a rua onde esta trabalhando hoje, havia sido reformada e preparada com baias para estacionamento, dirigiu-se à prefeitura e solicitou um colete e uma placa de estacionamento para a rua.  Em relação ao salário ele festeja: "Ganho R$ 600 por semana. De cada talão emitido fico com R$ 1". Ao final da conversa ele ainda diz que se tivesse que "vender a rua" não faria por menos de R$ 30 mil.

De olho em quem entra

A Argentina lança novo sistema digital de controle migratório. Fotografia, impressão digital e outros dados dos passageiros nacionais ou estrangeiros estarão assegurados por longo tempo. Por falar na Terra de Maradona,   3 mil toneladas de carne suína brasileira estão retidas na fronteira com aquele país. .

O perigo vem do alto

Os cientistas alertam que uma tempestade solar geomagnética gigante pode causar bilhões de dólares em danos. Os  desastres naturais que, ao contrário de terremotos, erupções vulcânicas ou inundações não causam qualquer perda de vida, pode causar um desastre, desativando as redes de distribuição elétrica  por um período indeterminado.

Vote em mim

Os camelôs da Rua 7 de setmebro, no centro do Rio, foram surpreendidos na semana passada com a visita de um vereador propondo apoio a sua reeleição e em troca ele daria ajuda para a legalização e outros benefícios aos ambulantes. Até aí tudo normal em ano de eleição. Só que os camelôs possuem um documento - que afirmam ser a autorização da prefeitura para trabalhar ali - e pagam, religiosamente, ao final de cada mês R$ 200 a um funcionário da prefeitura que passa para recolher a taxa que garante a funcionalidade no local. Ora, ou a autorização não é tão legal assim ou o vereador anda muito mal informado.
Outra pergunta que não quer calar: Porque o vereador não fez o que foi propor aos ambulentes, no mandato que se encerra?