quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Um brinde

Otto e  Ronaldo Richers
Ronaldo Richers, herdeiro da Herbert Richers - uma das empresas pioneiras da dublagem no Brasil, fundada  na década de 50 na Tijuca -  marcou presença no coquetel em comemoração pelos 8 anos do restaurante Otto.  Na saída os bons convivas ganharam um mimo, uma sandália personalizada e comemorativa dos 8 anos.

Foto Silvia Fagnani

Inglês na rede

O LinguaLeo.com - site de aprendizagem de línguas mais popular na Rússia, Ásia Central e em  parte da Europa Oriental, com quase 2 milhões de usuários alcançados em dois anos - chega ao Brasil com uma proposta de ensinar inglês de forma rápida e divertida na rede.

Elenco de Gabriela visita exposição em homenagem a Jorge Amado

A Academia Brasileira de Letras inaugurou nessta terça-feira, 31,  exposição em homenagem ao centenário de nascimento do Acadêmico e escritor Jorge Amado, que se completará no dia 10 de agosto de 2012. Trata-se de mais uma das comemorações programadas pela ABL para este ano em memória do escritor baiano. A mostra esta à disposição do público, de segunda  a sexta-feira, no 1º andar do Centro Cultural do Brasil, sede da ABL,con centro do Rio. O público terá a oportunidade de conhecer, na mostra, as primeiras edições dos livros do escritor baiano, inclusive os editados na década de 30 do século passado, quando começou a ocupar espaço como autor. Toda a cronologia de sua história, desde seu nascimento na Fazendo Auricídia, então parte de Ilhéus, hoje município de Itajuípe, interior da Bahia. Paineis de fotos ao lado de personalidades brasileiras e estrangeiras. Reprodução de cartaz de propaganda de Jorge Amado para deputado pelo PCB. Painel com uma grande foto de Luiz Carlos Prestes. Entre essas e muitas outras peças que contam sua vida, estará também uma foto em que o escritor baiano é condecorado com o Prêmio Internacional Stálin, de 1951. Organizada pelo Acadêmico e cineasta Nelson Pedreira dos Santos, a exposição contará ainda  com a exibição de todos os filmes, novelas e séries de televisão que foram feitas com base em seus livros.
- Entendo que o centenário de Jorge Amado nos dá uma excelente oportunidade para fazer uma releitura de sua obra,  tendo em vista uma reconstrução crítica da mesma. Desde que começou a publicar seus livros nos anos 30, a recepção deles variou muito. Foram amados ou execrados, muitas vezes, por motivos extraliterários, pelo fato de o autor ter pertencido ao Partido Comunista por muito tempo. Esta exposição aponta alguns pontos de referência nesse caminho. Personagens inesquecíveis, cenários marcantes, situações emblemáticas povoam seus romances. Em seu conjunto, a obra de Jorge Amado vai além da mera fruição: propõe ideias e levanta discussões. A elas, pois. É o convite que a ABL deixa a todos. Vamos ler ou reler Jorge Amado. E entrar nesses debates, a partir do que ele  escreveu. -  afirma a Presidente da ABL, escritora Ana Maria Machado.

Seus livros, escritos ao longo de 36 anos (1941 a 1977) foram publicados em 52 países e traduzidos para 48 idiomas e dialetos. Muitos deles tiveram adaptação para o cinema, o rádio, a televisão, bem como para histórias em quadrinhos, não apenas no Brasil, mas também em Portugal, França, Argentina, Suécia, Alemanha, Polônia, Itália, Estados Unidos e Tchecoslováquia.
Autor de clássicos da Literatura brasileira, como Dona Flor e seus dois maridos, O país do carnaval, Capitães de areia, Gabriela, Cravo e Canela, Bahia de Todos os Santos, Tenda dos milagres, Teresa Batista cansada de guerra, entre muitos outros, Jorge Amado nasceu no dia 10 de agosto de 1912 e faleceu no dia 6 de agosto de 2001.
Fotos Fotos: Onofre Veras / AgNews
WordPress plugin


Dias nebulosos para os servidores

A politica salarial para o funcionalismo em 2013 será delineada neste   mês de agosto, prazo limite para envio da proposta orçamentária ao congresso. Não está na pauta de negociações do Palácio do Planalto temas como recomposições salariais ou ajustes de planos de cargos e salários. A ordem é reduzir ao máximo os impactos de um reajuste salarial que englobe os 3 poderes nas despesas do Tesouro Nacional. Vem dias brabos por aí para o servidor.

Parabéns aos los hermanos

A embaixada da Argentina merece aplausos por apresentar, há dias, em Brasilia, recital do pianista tricolor Arthur Moreira Lima. Arthur foi participar do lançamento do projeto Espaço de Talentos, criado pelo Instituto Chamaeleon, para ensinar música, teatro e dança, para crianças vítimas de violência sexual e maus-tratos. Bela iniciativa do embaixador Luis Maria kreckler.

Na rua novamente

Reeditado pela Secretaria de Cultura do Amazonas, comandada pelo craque e acadêmico Robério Braga, o livro de poesias "Interior Inacabado", do jornalista Vicente Limongi Netto esta de volta às estantes.

Cantor Luciano critica música "Eu quero tchu, Eu quero tcha"

O sertanejo, irmão e parceiro de Zezé Di Camargo, "pegou pesado" nas redes sociais contra o sucesso da dupla João Lucas e Marcelo. A canção, de acordo com ele, "é uma porcaria". Luciano postou na sua página do twitter a fotografia em que há uma frase para a música: "to enjoado dessa bosta!". Como não bastasse, o cantor ainda assina abaixo da mesma foto: "Concordo!"
Por Rogério Tadeu/SP

São Paulo recebe a Bienal do Livro


O evento será neste mês, do dia 9 à 19, no Pavilhão do Anhembi. É a 22ª. edição da exposição na capital paulista, com o tema intitulado "Livros transformam o mundo, livros transformam pessoas". Aproximadamente 480 expositores estarão presentes (editoras, livrarias e distribuidoras) para exaltar os 90 anos da Semana da Arte Moderna, além de homenagear o centenário dos escritores Jorge Amado e Nelson Rodrigues. Os ingressos custam 12 reais (valor integral) e 6 reais (meia entrada). Há possibilidade de credenciamento antecipado gratuito para professores, estudantes e profissionais da cadeia do livro. O Pavilhão do Complexo Anhembi fica na Avenida Olavo Fontoura, 1209, no bairro de Santana. Mais informações no telefone (11) 3060-5000.
Por Rogério Tadeu/SP