terça-feira, 26 de julho de 2016

Projeto Roda de Palhaço promove essa semana o cortejo julino “Tem Pamonha no Hospitá!”

O cortejo ocorre no Hospital Federal dos Servidores do Estado, no dia 27, Dia do Pediatra, e no dia 28, no IPPMG/ UFRJ. Vai ter sanfona, triângulo e figurinos caipiras para alegrar crianças e familiares nas duas enfermarias pediátricas dos hospitais. Com o objetivo de incentivar a humanização no ambiente hospitalar, o projeto Roda de Palhaço promove intervenções artísticas regularmente. A expectativa é de atender mais de 10 mil crianças em 2016 e transformar o comportamento dos pacientes, acompanhantes, médicos e enfermeiros. O projeto prevê também a realização de oficinas destinadas aos profissionais da saúde.

Projeto Cinema na Estrada

Uma carreta que se transforma em uma grande sala de cinema com 70 lugares. A cena inusitada é a proposta da Ipiranga para levar cultura aos caminhoneiros e à população do entorno dos postos Rodo Rede, postos Ipiranga especializados para este público da estrada. Lançado este mês com duração até 22 de outubro, o Projeto Cinema na Estrada  percorrerá os estados do Rio de Janeiro, Minas Gerais, São Paulo, Espírito Santo, Rio Grande do Sul e Paraná para levar um pouco de lazer às estradas. Jurassic World – O Mundo dos Dinossauros – 3 D,  Missão Impossível – Nação Secreta – 3 D, 007 Contra Spectre, Um Senhor Estagiário, Vai que Cola – O Filme, O Homem do Futuro e  Mulher Invisível são alguns dos filmes que serão exibidos.

A história da MPB contada e cantada por seus protagonistas

O ‘MPB – A Alma do Brasil’, que acontece nos dias 1° e 2 de agosto,  vai reunir no Espaço Cultural BNDES, intérpretes como Claudette Soares, Danilo Caymmi, Fagner, João Bosco, Leny Andrade, Márcio Gomes, Mart´nália, Zelia Duncan e Zezé Motta que  contarão a história da nossa música cantando canções de 20 compositores. A lista inclui monstros sagrados como Chiquinha Gonzaga, Lamartine Babo, Noel Rosa e Pixinguinha. Tudo isso interligado pela narração de Fernanda Montenegro e Ricardo Cravo Albin.
O Choro “Flor amorosa”, de Joaquim Calado, abre o espetáculo que passará por Chiquinha Gonzaga, Ernesto Nazareth, Donga, Pixinguinha, Ary Barroso, Ataulfo Alves, Caetano Veloso, Chico Buarque e Gilberto Gil, entre outros. Gonzagão fecha a primeira noite e Gonzaguinha fecha a segunda.
Um tributo que promete emocionar será o que Imyra, filha de Taiguara, fará ao pai cantando, ao lado da amiga do artista Claudette Soares. Além dos sucessos “Universo do teu corpo” e “Hoje”, será lembrada “Cavaleiro da esperança”, música feita para o líder socialista Luís Carlos Prestes.
Também subirão ao palco do Espaço Cultural BNDES As Cantoras do Rádio (Doris Monteiro, Ellen de Lima e Luciene Franco), Ataulfo Alves Júnior, João Carlos Assis Brasil, Marcos Sacramento e Simone Mazzer.
Os dois shows são um realização do Instituto Cultural Cravo Albin, com apoio do BNDES e Ministério da Cultura. Será arrecadado alimento não perecível para o Retiro dos Artistas.

Jerry Adriani festeja 52 anos de carreira com novo DVD e show

No feriado da abertura dos Jogos, a agenda de shows começa animada com Jerry Adriani no Imperator, a partir das 16h, bem antes do horário da festa no Maracanã. Ele não é atleta, mas bate recorde também! Ano passado, lotou a casa duas vezes apresentando-se, justamente, nesse horário vespertino. Por isso, o cantor está de volta, uma volta olímpica. Não para lançar disco, que isso é lá com a galera do atletismo, mas para lançar o DVD “Outro”, seu novo trabalho, uma coprodução com o Canal Brasil.

Fôlego de maratonista dos bons, Jerry vai cantar sucessos dos seus mais de 50 anos de carreira, clássicos da Jovem Guarda e hits internacionais como “Georgia On My Mind” (Hoady Carmichael / Stuart Gorrell), gravado por Ray Charles. Aliás, versátil, Jerry canta em outros idiomas. As canções italianas estão sempre no repertório do cantor, que já escolheu uma de Pino Danieli para o espetáculo do dia 5.

E vai ter mais surpresas: músicas que Jerry nunca cantou como “Lembra de mim”, de Ivan Lins e Vitor Martins, e “A medida da paixão”, de Lenine e Dudu Falcão. Momento romântico para o cantor esbanjar charme e carisma.

Mariana Ruy Barbosa prestigia lançamento de Agnaldo Silva

Agnaldo e  Marina
Cercado por vários artistas, Aguinaldo Silva lançou na noite desta segunda-feira, 25, na livraria da Travessa, no Rio, seu novo livro: "Turno da noite- Memórias de um ex-repórter de polícia", Editora Objetiva. A obra reúne algumas reportagens escritas pelo novelista da época que ele era jornalista.
"Este livro é um livro de memórias de uma época muito palpitante da minha vida. Foi um tempo difícil, na ditadura, onde eu exerci a profissão que eu mais gosto: o jornalismo. Eu sempre digo que não sou novelista, eu estou novelista. O que eu sou e serei sempre é jornalista", explica Aguinaldo.
Fotos Rogério Fidalgo/Ag. News









Leonardo Vieira, Agnaldoe  Mallu Valle
Josie Pessoa, Adriana Birolli e Marina